Alta Montanha Tradicional

Percorrer a estrada que leva para o Chile é impressionante já que contorna o curso sinuoso do Rio Mendoza, o que permite avistar paisagens sem igual. Poderá ver e sentir as montanhas, respirar o ar mais puro, e se der certo até visualizar alguns animais autóctones.
Este passeio consta de várias paradas em miradouros e locais especiais para tirar fotos ou realizar uma pequena caminhada. A primeira parada será em Potrerillos, uma pequena vila de montanha, com residências de fim de semana pertencentes aos habitantes de Mendoza.
 
Aqui há também uma deslumbrante vista da represa de Potrerillos, que forma um lago artificial. Continuamos pela rota que nos leva até Uspallata, vale emoldurado por paisagens de montanha que apresentam mudanças de cores e várias formações geológicas. É uma parada obrigatória para quem realiza o passeio da Alta Montanha ou para quem vai viajar ao Chile, já que muitos restaurantes de montanha e lojas de artesanato estão na espera dos visitantes.
 
A viagem continua por outras pequenas cidades de montanha como Polvaredas, Punta de Vacas e Penitentes, até chegar a Puente del Inca, uma ponte natural onde o Rio de Las Cuevas tem perfurado nas montanhas formando esta atração natural incrível.

Perto da fronteira, um ponto de vista maravilhoso nos permite ver o Cerro Aconcágua em todo seu esplendor. O mesmo possui 6.962 msnm. Contamos com a vantagem de poder realizar uma caminhada pelo Parque Provincial Aconcagua e avistar a Lagoa de Horcones que está rodeada de montanhas gigantes e visitantes de todo o mundo que viajam para conhecer o famoso cerro.

Opcional Cristo Redentor: monumento histórico nacional e patrimônio cultural da nação argentina. Normalmente é possível visitá-lo nos meses de janeiro e fevereiro, de acordo com as condições climáticas. Consulte pela disponibilidade e valor adicional para poder conhecer este maravilhoso atrativo localizado bem perto da fronteira com o Chile, a quase 4000.